Cabos

A vida segue seu curso, Helena, mesmo que eu esteja soterrada de trabalho e medo, mesmo que mais uma vez não possa fazer o curso do Carlito, mesmo que a saudade aperte e eu passe o dia com os olhos marejados. Exaustas venceremos, eu poderia dizer, mas nem eu ouso me enganar assim. Hoje passei um tempo desenrolando metros e mais metros de cabo, porque esse é o tamanho do sintoma e da falta de noção.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s